Jun 0
Jun 0

Ministério Público pede condenação de inspetor da PJ de Setúbal por associação criminosa e corrupção

Procura pede condenação também dos outros principais arguidos, Paulo Martinho, ex-presidente da Associação de Comerciantes de Ourivesaria e Relojoaria do Sul, Florbela Gaspar e Celeste Rodrigues, pelos crimes de associação criminosa, fraude fiscal e branqueamento de capitais O Ministério Público do Seixal pede a condenação do inspetor da Polícia Judiciária João de Sousa, pelos crimes de associação criminosa e corrupção, nas alegações finais do julgamento do caso de fraude fiscal …   Ler

  Read more
voltar ao topo ▲