Os dados relativos ao turismo no concelho de Sesimbra continuam a ser muito animadores. Depois de um primeiro trimestre em que os resultados demonstraram um crescimento de 25 por cento das dormidas em unidades hoteleiras, uma subida relevante por se dar fora da época balnear, os números relativos ao primeiro semestre apontam para uma subida de 18 por cento, em comparação com igual período de 2015, segundo a Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa.

Em termos quantitativos registaram-se 65 211 dormidas nos primeiros seis meses deste ano, contra as 55 203 em 2015. Este resultado deve-se fundamentalmente às dormidas de estrangeiros, que passaram de 30 660 para 39 062, uma variação de 27 por cento. As dormidas de portugueses passaram de 24 543 para 26 149, um aumento de 7 por cento.

Quanto aos turistas estrangeiros, os principais mercados continuam a ser a Alemanha, com 6 870 dormidas, Espanha, com 5 843, França, com 3 848, Reino Unido, com 3 835, e Suécia, com 2 690. Em termos percentuais, em relação ao primeiro semestre de 2015, os turistas provenientes do Reino Unido cresceram 50 por cento, e os suecos, 47 por cento, seguidos da Espanha, com 31, França, com 26, e Alemanha, com 7 por cento.

Apesar de não serem apontados fatores concretos para esta subida, a requalificação urbana da vila de Sesimbra e das frentes marítimas da Lagoa e Meco, a aposta no património edificado e natural e na oferta cultural, as campanhas de promoção do território e a forte dinâmica do tecido empresarial do concelho são, certamente, fatores tidos em conta por quem visita o concelho.

Procura turística pelo concelho de Sesimbra: http://www.cm-sesimbra.pt/uploads/writer_file/document/2496/procura_tur_stica_pelo_concelho_de_Sesimbra.pdf