A Lavadeira de Azeitão e o Observador de Aves são os novos membros da família “Pasmadinhos de Setúbal” a habitar o Parque do Bonfim, esculturas que embelezam o equipamento recentemente beneficiado pela autarquia, com intervenções inauguradas no sábado

 

As duas réplicas, de grandes dimensões, das peças de cerâmica da Coleção Maria Pó, esculturas de cores vibrantes e aspeto pitoresco, completam a família de oito “Pasmadinhos de Setúbal” que estão no Parque do Bonfim, agora mais atrativo e com renovadas condições de usufruto.

“Melhorámos as condições de conforto deste importante espaço da nossa cidade”, salientou a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, sábado de manhã, na inauguração das intervenções que materializam “mais um passo na requalificação da cidade”.

A beneficiação da área central do parque, concretamente junto do lago, foi uma das principais ações da operação urbanística executada, em grande parte, por administração direta, ou seja, com recurso a meios técnicos e humanos da própria Câmara Municipal de Setúbal.

Naquele local, foram substituídas as lajetas em pedra danificadas que circundam a área pedonal envolvente ao lago, o qual conta com um novo sistema de repuxos, dotado de iluminação decorativa, equipamento que, além de reforçar a atratividade do local, auxilia a oxigenação da água.

Na zona do lago, onde continua a habitar uma comunidade de aves, a intervenção liderada pela autarquia incluiu o restauro do relógio de sol ali existente, construído em pedra, assim como a redefinição de caleiras de algumas das árvores de grande porte do Parque do Bonfim.

Da obra fez também parte a criação de um palco, instalado numa área mais central daquele espaço de lazer e recreio da cidade. A infraestrutura, fixa, está apetrechada de um sistema elétrico e iluminação dedicada, a par de um ponto de água, recursos que permitem a realização de eventos variados.

As intervenções realizadas em perto de quatro meses, “um lifting de embelezamento”, caracterizou a autarca, “melhoram a atratividade e as condições de utilização do parque não só para aqueles que vivem ou trabalham em Setúbal, mas também para todos aqueles que visitam a cidade”.

A operação camarária incluiu ainda a pavimentação das zonas de circulação pedonal, a colocação de novo mobiliário urbano, como bancos de jardim, assim como a beneficiação da iluminação pública, agora toda com tecnologia LED.

Paralelamente a esta intervenção, que conferiu uma nova atratividade e condições renovadas de usufruto ao Parque do Bonfim, a autarquia reabilitou, neste caso com recurso a empreitada, a rede de saneamento público que serve aquele equipamento localizado no centro da cidade.

Tudo isto com dois novos bonecos a habitar o parque, a Lavadeira de Azeitão e o Observador de Aves, réplicas de grandes dimensões das peças de cerâmica “Pasmadinhos de Setúbal”, da autoria de Elsa Rodrigues e Jacek Piatkiewicz, que se juntam às outras seis esculturas já instaladas.

O cesto de roupa à cabeça e os grandes brincos vermelhos são imagem de marca da Lavadeira de Azeitão, peça inspirada nos lavadouros de Vila Nogueira e que evoca a antiga função daquele espaço público. Esta foi também a primeira da coleção e que deu origem a outros pasmadinhos.

Mais recente é o Observador de Aves, a última peça da coleção a ser criada e que foi apresentada na 8.ª ObservaNatura, em meados de setembro. Os binóculos identificam facilmente a figura deste boneco, instalado, tal como a Lavadeira de Azeitão, numa extremidade do Parque do Bonfim.

O Observador de Aves, que homenageia todos aqueles que possuem um alto grau de consciência ambiental, é o protagonista central do cenário do Moinho de Maré da Mourisca, santuário natural com condições de excelência para a observação de aves, uma modalidade de turismo de natureza.

As obras de beneficiação do Parque do Bonfim, cuja cerimónia contou com animação musical pela Dixie Band, incluiu ainda intervenções pontuais de beneficiação e a instalação de um apontamento de embelezamento, um pórtico que aponta a entrada norte do equipamento, a que se juntam outros a instalar em breve.