Desde 2013, que se verifica, no Porto de Setúbal, o incremento das unidades movimentadas pelo método Roll-On/Roll-Off, atingindo um aumento acumulado deste segmento, nos últimos 3 anos, na ordem dos 35%, a que não serão alheios os níveis de desempenho da NAVIPOR, enquanto principal operadora portuária deste segmento em Portugal, contribuindo para a consolidação do porto na liderança do movimento portuário em número de unidades e na movimentação de viaturas ligeiras.

Para além do contributo inequívoco do movimento associado às viaturas do grupo Volkswagen, principalmente com ligações diretas semanais para a Alemanha (VW Logistics) e quinzenais para a China (NYK), que representam aproximadamente 65% do total movimentado no Porto de Setúbal, o aumento também se deveu e teve expressão muito significativa pelas escalas da GRIMALDI, cuja frequência passou para três navios por semana e ainda pela fixação de uma linha da Euro Marine Logistics (EML), o que demonstra a confiança das marcas e dos armadores no Porto de Setúbal – destacando-se a recente presença da Nissan e da BMW –, confirmando o mesmo como uma porta de excelência para a entrada e saída de viaturas, para Portugal e Península Ibérica e para o Mundo, tendo cada vez maior diversidade de países e portos de origem e destino.

Atualmente chegam a demandar o Porto de setúbal, através do seu Terminal Ro-Ro dedicado, uma média de aproximadamente 2.000 unidades de importação por semana, com picos que chegam a atingir mais do dobro desse valor, pelo que é imprescindível a manutenção de áreas totais de parqueamento disponíveis superiores a 6ha.

A recente obra de expansão da área do Terminal feita pela APSS veio aumentar a área disponível, permitindo descongestionar o parque e potenciar o Terminal Ro-Ro para níveis de desempenho compatíveis com os volumes movimentados, capaz de receber ainda mais cargas Roll-On/Roll-Off.