Os deputados do PS, eleitos pelo Círculo de Setúbal, Ana Catarina Mendes, Eurídice Pereira, Ivan Gonçalves, Sofia araújo, André Pinotes Batista e Francisca Parreira visitaram, no passado dia 30 de maio, a Escola Tecnológica do Litoral Alentejano, situada no complexo Petroquímico, em Sines.

Nesta iniciativa, os deputados puderam verificar a importância da ETLA como escola tecnológica com uma vasta e única oferta formativa para técnicos especializados, fortemente vocacionada para as necessidades do tecido empresarial.

A existência de parcerias com os Institutos Politécnicos de Setúbal e Beja, a formação e reciclagem de técnicos de empresas, apresentam uma visão estratégica para o desenvolvimento da região, nomeadamente dos municípios de Sines e Santiago do Cacém, e das grandes empresas da região.

Diplomados com elevada empregabilidade, essencialmente nos cursos de Mecatrónica, Eletrónica, Informática e Química, são recrutados fundamentalmente por parte das grandes empresas e dos prestadores de serviços das mesmas.

A comitiva socialista pôde constatar que é uma escola profissional de prestigio, mas que se debate com dificuldades de financiamento que remonta a procedimentos deficitários em 2014.Os eleitos ficaram sensibilizados para esta problemática e asseguraram realizar as diligências necessárias para obter os devidos esclarecimentos.

Da comitiva fizeram parte o Presidente da Federação Distrital de Setúbal do PS, António Mendes, o Presidente da estrutura concelhia do PS em Sines e Vice Presidente da Câmara, Fernando Ramos, o Presidente da Assembleia de Freguesia de Sines, Joaquim Serrão, o líder da bancada socialista na Assembleia Municipal e dirigente local, Idalino José, e Paula Pereira, autarca e também dirigente local.

A receção por parte do estabelecimento de ensino foi, entre outros, assegurada pelo Presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, que exerce o cargo de Presidente do Conselho de Administração da ETLA.