Colin Stetson encerra festival que contará com actuações de Dino Saluzzi, Mette Henriette, Gonçalo Marques, Hugo Carvalhais e Ricardo Toscano

Já estão à venda os ingressos para os seis concertos que compõem a programação do SeixalJazz 2016, a ter lugar entre 21 e 29 de Outubro, no Auditório Municipal do Seixal. Os bilhetes, segundo anunciou a Câmara Municipal, já podem ser adquiridos na bilheteira do Fórum Cultural do Seixal e na agência ABEP dos Restauradores, em Lisboa.

“O SeixalJazz 2016 apresenta-se com seis concertos, todos a começar às 22h00. Como habitualmente, no final de cada espectáculo haverá oportunidade de contactar com os músicos, numa sessão de autógrafos a decorrer no foyer do auditório”, revela a autarquia, acrescentando: “Neste local haverá ainda uma área reservada à venda de discos dos participantes desta 17.ª edição, que abre as portas no dia 21 de Outubro com a actuação do quinteto do argentino Dino Saluzzi, uma estreia em Portugal Continental.”

Dino Saluzzi é um músico muito peculiar do jazz e da música improvisada mundial que tem a particularidade de tocar bandoneón, instrumento musical semelhante a uma concertina, utilizado principalmente na região do Rio de la Plata, Uruguai e Argentina onde é o mais importante instrumento das orquestras de tango.

A 22 de Outubro, o palco será da saxofonista Mette Henriette, com o seu trio. As suas formações combinam músicas de jazz e música clássica. A jovem norueguesa foi considerada a grande revelação de 2015 e as suas composições e interpretações colocam-na nas áreas da música improvisada próximas da música de câmara ou do abstraccionismo.

Portugueses em acção

Segue-se, a 26 de Outubro, o quinteto português do trompetista Gonçalo Marques, um músico em merecida e reconhecida ascensão, professor da escola de Jazz do Hot Club de Portugal. Neste mesmo dia, o músico e o seu quinteto darão às 15h00 um concerto comentado, inserido no projecto pedagógico “O SeixalJazz Vai à Escola”, dirigido a alunos e professores das escolas básicas do concelho.

Para 27 de Outubro o palco está reservado para o quarteto de Hugo Carvalhais, Projecto Grand Valis. Este último trabalho de Hugo Carvalhais para a editora portuguesa Clean Feed foi o único registo português nomeado pela revista Down Beat para os melhores de 2015.

Ricardo Toscano, saxofonista do concelho do Seixal, é a aposta para o dia 28 de Outubro, apresentando-se com o seu quarteto. Com vários prémios ganhos, foi considerado o melhor músico nacional em 2015, com apenas 22 anos. Nascido em Amora, o artista iniciou a sua aprendizagem como músico na banda da Sociedade Filarmónica Operária Amorense, onde aos 8 anos já tocava clarinete.

Os sons dos saxofones do norte-americano Colin Stetson encerram o certame. O artista já colaborou com várias figuras das diversas áreas da música nas suas gravações, casos de Tom Waits, Arcade Fine, Laurie Anderson, entre outros.

A programação e produção do SeixalJazz 2016 está a cargo da Câmara Municipal do Seixal.