Seixal e Palmela figuraram entre os finalistas dos prémios “Município do Ano 2016”, um projecto da Universidade do Minho que reconhece e premeia as boas práticas implementadas pelos municípios portugueses. Seixal foi, de resto, um dos quatro municípios que representaram a Área Metropolitana de Lisboa, juntamente com Palmela, Loures e Lisboa, que acabou por arrecadar o prémio regional com o programa Reabilita Primeiro Paga Depois.

O Seixal apresentou na sua candidatura o projecto Plano Municipal para a Igualdade de Género e Oportunidades 2013-2015, que viria a ser um dos 36 selecionados entre 93 municípios candidatos.

Os prémios Municípios do Ano são um projecto da Universidade do Minho, através da sua plataforma UM-Cidades, que vai já na terceira edição. A gala de entrega dos prémios decorreu no passado dia 3, em Vila do Bispo, Sagres. Fundão foi o vencedor a nível nacional, com o projecto Academias de Código.