O vereador do PSD, Bruno Vitorino, volta a apresentar hoje, em sessão de Câmara, uma medida que visa baixar o Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) às famílias barreirenses com filhos, após esta mesma proposta ter sido chumbada pela CDU no ano passado e, recentemente, em Assembleia Municipal, onde foi levada pelo líder da bancada social-democrata, Victor Castro Nunes.

1brunovitorino“Esta é uma medida para aliviar a carga fiscal das famílias com filhos ou outros dependentes a seu cargo, reduzindo o valor a pagar no IMI da sua casa”, explica Bruno Vitorino.

Esta proposta a ser aprovada vai permitir uma redução de 20 euros no IMI para famílias com um filho/dependente a cargo; 40 euros para quem tem 2 filhos/dependentes; e de 70 euros para quem tem 3 ou mais filhos/dependentes.

O vereador do PSD sublinha que, no ano passado, dos 308 municípios existentes no país, 218 aderiram ao IMI familiar, aliviando assim a carga de impostos sobre as famílias, prevendo-se que muitos mais o venham a fazer este ano. “Se mais de 2/3 dos municípios aderiram a esta medida, porque a mesma não pode ser aplicada no Barreiro?”

“Esperemos que a CDU e o PS possam, desta vez, aprovar uma medida benéfica para os barreirenses, que pagam muito por este imposto municipal”, defendeu.

A recente baixa de 0,01% na taxa de IMI a aplicar no Barreiro, apesar de elogiada pelo PSD por ir no bom sentido, “soube a muito pouco” diz Bruno Vitorino.

“No entanto, se a esta diminuição simbólica, somássemos o IMI familiar, então sim, os efeitos já se fariam sentir nos bolsos de muitas famílias barreirenses”, conclui.