Em Novembro, é tempo de celebrar a Floresta Autóctone. Assim, no dia 7 do próximo mês, terá lugar a iniciativa ‘Reserva o Sábado’ dedicada à “Plantação Florestal” de medronheiros, entre as 9h00 e as 12h30, na Mata da Machada.
O programa prevê uma breve explicação sobre a floresta autóctone no Centro de Educação Ambiental da Matada da Machada e dois passeios interpretativos florísticos, dando a conhecer as espécies existentes.
As inscrições são gratuitas mas sujeitas a marcação prévia, devendo ser feitas através da Linha Verde 800 912 070 (gratuita). O limite é de 25 vagas. A floresta autóctone portuguesa é formada por plantas originárias do nosso País, como carvalhos, medronheiros, zimbros, castanheiros, urzes, estevas, etc.
São de grande importância, pois estas florestas estão melhor adaptadas às condições do solo e do clima, tornando-se mais resistentes a pragas, longos períodos de seca ou de chuva intensa e fogos; ajudando a manter a fertilidade do espaço rural, o equilíbrio biológico das paisagens e a diversidade dos recursos genéticos.
As florestas autóctones fazem parte do nosso ecossistema. São importantes lugares de refúgio e reprodução para um grande número de espécies animais autóctones, algumas delas também em vias de extinção.