21 concertos, um workshop e uma original sessão de yoga preenchem o programa da 12ª edição do OUT.FEST – Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro – promovido pela OUT.RA – Associação Cultural, com o apoio da Câmara Municipal do Barreiro e agendado entre os dias 8 e 11 de Outubro.

Novos palcos da cidade abrem-se para a edição deste ano, com destaque para o Museu Industrial da Baía do Tejo e sede da ADAO – Associação Para o Desenvolvimento das Artes e Ofícios.

O jazz de MATANA ROBERTS, saxofonista norte-americana assina um dos mais aclamados álbuns de 2015, “Coin Coin Chapter Three”, terceiro volume de doze lançamentos planeados para contar a história da luta da comunidade afro-americana nos últimos séculos. Este trabalho tem vindo a colocar a artista de Chicago na linha da frente do jazz mundial.

Igualmente dos Estados Unidos chega o trio ZS, formação que explora de igual forma referências jazzísticas, electrónicas e sonoridades mais próximas do heavy-metal.

Por seu lado, o duo italo-japonês de GIOVANNI DI DOMENICO (piano) e AKIRA SAKATA (saxofone) irão apresentar temas do seu disco “Iruman”, lançado em 2014, enquanto que o norte-americano LARAAJI estreará no OUT.FEST o seu “The Peace Garden”. Apresentará uma performance de música ambiental e meditativa, que combinará aula de yoga e meditação, com exercícios de escuta profunda.

No Museu Industrial da Baía do Tejo, actuará a histórica formação britânica AMM, que completa em 2015 50 anos de carreira enquanto pioneira da improvisação livre em território europeu, e o finlandês VLADISLAV DELAY, músico com mais de uma década de trabalho incontornável pelos vários caminhos da música electrónica.

A sede da ADAO – Associação Para o Desenvolvimento das Artes e Ofícios – que tem vindo a reabilitar o antigo quartel dos bombeiros Sul e Sueste, será palco de 14 concertos numa só noite, com destaque para os portugueses GALA DROP, os britânicos GOLDEN TEACHER e para o regresso do celebrado saxofonista alemão PETER BRÖTZMANN, protagonista de um dos melhores concertos da passada edição do festival, e que este ano volta ao Barreiro na companhia do vibrafonista norte-americano JASON ADASIEWICZ. O também britânico RUSSEL HASWELL, será outro dos nomes a actuar neste espaço, ele que também protagonizará um workshop em parceria com a ADDAC System, uma empresa nacional especializada na criação de sintetizadores modulares analógicos.

De referir que o grupo The magic science Quartet, um concerto previamente anunciado, não marcará presença no festival, tendo sido obrigado a cancelar as datas de concertos na Europa.

O OUT.FEST é uma realização da OUT.RA – Associação Cultural, em parceria com a filho único – Associação Cultural, e conta com o financiamento de entidades como a direção-geral das artes / secretaria de estado da cultura, a Câmara Municipal do Barreiro, a Baía do Tejo e a entidade regional de turismo de Lisboa.

Recorde-se que o OUT.FEST  foi distinguido com o selo “EFFE – Europe for Festivals, Festivals for Europe” 2015-2016. A decisão foi divulgada no passado dia 20 de Maio, pela EFFE. Esta iniciativa tem o apoio da União Europeia e visa reconhecer festivais que demonstrem um profundo compromisso com as artes, com as suas comunidades e com os valores europeus.