O presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, juntamente com os vereadores com pelouros, Francisco dos Santos e Maria Clara Silva, iniciou um périplo pelas freguesias do concelho, no passado dia 16, com a visita à freguesia de Canha. A comitiva reuniu-se com o executivo da Junta de Freguesia de Canha e, só depois, se iniciou uma deslocação conjunta de reconhecimento a alguns pontos críticos da localidade. Os autarcas estiveram, também, na Escola Básica de Canha, no Quartel da GNR, na Casa do Povo, na Associação dos Bombeiros Voluntários e na Santa Casa da Misericórdia.

“A necessidade da construção da ETAR, a requalificação do Recinto da Feira, a degradação do Pólo da Biblioteca e a falta de auxiliares de educação na EB de Canha foram algumas das questões levantadas pelos fregueses na reunião aberta à população ao final da tarde”, revelou a Câmara, em nota de Imprensa.

No que diz respeito ao pólo da biblioteca, Nuno Canta explicou que a cooperativa do bairro Almansor já anunciou intenção de cessar actividade. “Queremos adquirir o edifício e utilizar a parte inferior para a Academia Sénior de Canha, um projecto que candidatamos a fundos comunitários, através do Portugal 2020”, anunciou, acrescentando em relação à falta de pessoal na EB de Canha: “Estávamos à espera de uma decisão do Ministério da Educação para reforçar o número de auxiliares. A autorização positiva chegou a semana passada, o que quer dizer que muito em breve estará resolvido.”

O presidente informou, ainda, que a Câmara vai avançar com a obra de uma cobertura impermeabilizante da escola.

A próxima visita de Nuno Canta às freguesias do concelho está agendada para 30 de Outubro, à União das Freguesias de Montijo e Afonsoeiro.