A maioria PS na Câmara Municipal do Montijo vai apresentar, neste mês de outubro, uma proposta de orçamento municipal para 2016 no valor global de aproximadamente 25 milhões de euros, revelou o presidente da autarquia ao DIÁRIO DA REGIÃO.

“A nossa proposta está praticamente concluída, falta-nos apenas reunir com os presidentes das juntas de freguesia e com os vereadores da oposição”, disse Nuno Canta, acrescentando que o documento deverá ser apresentado em reunião de câmara durante o próximo mês de outubro.

Quanto ao valor, a proposta do PS será em linha com a do ano passado que era de 25, 5 milhões de euros.

No ano passado o orçamento municipal também foi votado no final de outubro e acabou chumbado pela oposição. O documento recebeu os votos favoráveis apenas dos vereadores socialistas, tendo PSD e CDU votado contra.

Para o orçamento municipal de 2016, a maioria PS está convencida de que pode obter aprovação. Nuno Canta acredita que, desta vez, a oposição não tem margem de manobra para voltar a chumbar o documento.

“A margem de votação contra da oposição reduziu-se substancialmente”, defende o presidente da câmara, com base no que diz ser a “consolidação de uma gestão de excelência”.

“Pagamos aos fornecedores em 18 dias, aumentámos o investimento em 700 mil euros comparativamente ao ano de 2014 e reduzimos o endividamento de médio e longo prazo em 900 mil euros”, afirma Nuno Canta.