Mais de 700 novos estudantes foram colocados no Instituto Politécnico de Setúbal (IPS), agora que se souberam os resultados da 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior para o ano lectivo 2016/2017.

O Politécnico de Setúbal destaca em nota de imprensa que “o número de colocados aumentou, o que se traduz em mais de 700 novos estudantes e numa taxa de ocupação que alcançou os 60%” na primeira fase das colocações nacionais. Ao todo, 10 cursos foram totalmente preenchidos.

“Os resultados reflectem, por um lado, a confiança no projecto pedagógico que o IPS está a desenvolver, marcado por cursos com elevada empregabilidade e assentes em metodologias activas de aprendizagem, que desenvolvem competências que respondem aos desafios da sociedade e, por outro, o crescimento do número de estudantes que se candidataram ao ensino superior”, considera o presidente da instituição, Pedro Dominguinhos.

Em comparação com os números de 2015, no IPS a taxa de colocação de novos alunos cresceu 5,7%, “relevando-se bastante positiva, comparativamente à taxa de colocação global no ensino superior que teve um crescimento de 2,1%”, detalha o comunicado.

Tendo em conta os resultados agora obtidos, as colocações dos concursos especiais e a 2ª fase do concurso nacional de acesso, o Instituto Politécnico de Setúbal espera vir a receber mais cerca de 1500 novos estudantes de licenciatura, a que se juntam 450 novos alunos dos Cursos Técnicos Superiores Profissionais e outros 200 estudantes de mestrado.

Os colocados serão recebidos numa sessão de acolhimento no dia 28 de Setembro. A 2ª fase das colocações do concurso nacional de acesso começou ontem e vai decorrer até dia 23.