Menção honrosa distingue capacidade de mobilização da sociedade para o desenvolvimento sustentável

O’Terras Sem Sombra’, Festival de Música Sacra do Alentejo, foi distinguido com uma Menção Honrosa, na secção de Iniciativa de Mobilização, na 8.ª edição dos Green Project Awards Portugal. A distinção foi entregue no passado dia 07 de janeiro, numa cerimónia realizada na Culturgest, em Lisboa.

Green Project Awards Portugal é a mais destacada iniciativa do género que se realiza no país e tem por objetivo mobilizar a sociedade para o desenvolvimento sustentável.

O Festival Terras sem Sombra é organizado pelo Departamento do Património Histórico e Artístico da Diocese de Beja, em parceria com vários municípios do Baixo Alentejo e do Alentejo Litoral e o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas – que coordena a componente de biodiversidade da iniciativa. Conta com a colaboração da Direção Regional de Cultura do Alentejo, da Acción Cultural Española, do Turismo do Alentejo e Ribatejo, ERT, da Agência Regional de Promoção Turística do Alentejo e de empresas e instituições com presença na região.

Santiago do Cacém tem feito parte do roteiro do Festival e a Câmara Municipal, em nota enviada à redacção, congratulasse com a distinção alcançada pelo festival nos Green Awards.

A edição de 2016 do ‘Terras Sem Sombra’ decorre entre os dias 27 de fevereiro e 2 de julho e Santiago do Cacém integra novamente o programa de concertos. O Festival é apresentado no dia 11 de fevereiro, às 12h00, na Embaixada de Portugal em Madrid, Espanha.