A distrital do PSD de Setúbal vai a eleições ainda este ano, antecipando as eleições internas marcadas para o próximo ano, revelou ao DIÁRIO DA REGIÃO fonte do partido. As eleições para todos os órgãos distritais estavam marcadas para dia 26 de Janeiro de 2016 mas vão realizar-se já no próximo dia 05 de Dezembro.

De acordo com a mesma fonte, com a antecipação da data, a liderança distrital social-democrata tem três razões que, no entanto, se resumem a um objectivo principal; ajustar o ciclo interno ao próximo período politico, de dois anos, em que ocorrem eleições presidenciais, autárquicas e, provavelmente, legislativas.

“Não queremos fazer eleições internas, que implicam também campanha interna, no meio do processo eleitoral para a presidência da República”, afirma a referida fonte, acrescentando que “o actual momento político é complexo, mas pode ser ainda mais complicado a partir de Março, pelo que é importante termos uma comissão Politica distrital eleita de novo, relegitimada pelos militantes para tudo o que aí possa vir”.

Com a antecipação das eleições internas, a distrital do PSD pretende, também, começar a preparar, as próximas eleições para as autarquias locais. “Queremos começar a pensar dois anos antes”, disse.

O DIÁRIO DA REGIÃO apurou que todos os presidentes dos actuais órgãos distritais do partido vão ser candidatos nas eleições de Dezembro e que deverá haver uma única lista candidata. Bruno Vitorino, deputado na Assembleia da República e vereador na Câmara do Barreiro, preside à comissão política distrital, Pedro do ò Ramos, actual secretário de Estado do Mar, à mesa da assembleia geral, e Jacinto Pereira, Advogado e membro do PSD/Montijo, ao conselho de jurisdição distrital.

O DIÁRIO DA REGIÃO tentou ouvir Bruno Vitorino mas sem sucesso até ao fecho desta edição.

João Viegas candidato no CDS-PP

Ex-deputado é nome mais forte para suceder a Nuno Magalhães

O ex-deputado João Viegas vai ser candidato a presidente da comissão politica distrital do CDS-PP nas próximas eleições internas, previstas para dentro de poucas semanas, apurou o DIÁRIO DA REGIÃO.

As eleições distritais devem ocorrer até início do mês de Dezembro e João Viegas, que tem ponderado liderar um candidatura, vai mesmo avançar, confirmou uma fonte próxima do ex-deputado.

A candidatura de Viegas, que não deverá ter lista concorrente, é vista como a continuidade das lideranças distritais protagonizadas por Nuno Magalhães, que não se recandidata por ter atingido o limite máximo de três mandatos consecutivos.

João Viegas é actualmente vice-presidente da comissão política do partido na distrital de Setúbal e a sua lista contará com o apoio de Nuno Magalhães, uma vez que João Viegas tem sido apoiante do líder parlamentar ao longo dos últimos 12 anos.

Segundo a mesma fonte, a candidatura tem como objectivo “preparar a estrutura distrital para os desafios que se aproximam, não sabemos se vão haver eleições legislativas, e também preparar as eleições autárquicas”.