A comissão de trabalhadores da Faurecia, empresa do parque industrial da Autoeuropa, em Palmela, promove, a cinco de julho, no interior do parque, a corrida solidária “Run for Rui”, cujas receitas revertem para o jovem Rui, familiar de uma trabalhadora da empresa, que ficou cem por cento dependente, na sequência de um acidente. Rui, hoje com 24 anos, foi vítima de uma queda de bicicleta, aos 17 anos, que lhe provocou um traumatismo crânio-encefálico muito grave, ficando cem por cento dependente.

O jovem está a cargo da mãe e da tia, Cristina Canastra, trabalhadora da Faurecia. “É bastante difícil para quem cuida dele transferi-lo para o nosso carro, impossibilitando assim a sua deslocação em situações normais do dia a dia, como ir a consultas ou fazer um simples passeio. Por este motivo, o Rui raramente sai de casa, estando as suas saídas muito comprometidas e limitadas ao transporte que se faz apenas de ambulância”, conta Cristina Canastra. Esta solução de mobilidade traz alguns problemas, já que, “mesmo a pagar, é difícil conseguir uma ambulância” sempre que é necessário e “o Estado apenas comparticipa nos transportes ao hospital e se forem de carácter urgente”, lamenta a tia do jovem.

Por exemplo, uma ida ao Hospital de S. Bernardo, em Setúbal, tem o custo de 25 a 30 euros e se a deslocação tiver de ser para o Hospital Garcia de Orta, em Almada, o custo é de 90 euros. Por isso, os trabalhadores da Faurecia decidiram unir-se para angariar verbas para a aquisição de uma estrutura de elevação para cadeira de rodas, a instalar no carro da família, solução que tem um valor estimado de dez mil euros, impossível de suportar para esta família, com “baixos recursos financeiros”, refere a tia do jovem.

“Esta solução não só permitiria uma maior capacidade de o ajudarmos nos momentos em que precisa mesmo, não tendo de aguardar pela disponibilidade de uma ambulância, por exemplo, como ainda poderia contribuir para uma maior qualidade de vida do meu sobrinho, permitindo-nos levá-lo a qualquer lado, o que atualmente não acontece, exclusivamente por falta de meios”, refere Cristina Canastra.

A iniciativa “Run For Rui” consiste numa prova de atletismo no interior do Parque Industrial da Autoeuropa, com percursos de dez e cinco quilómetros. O valor da inscrição é de cinco euros por pessoa (NIB 0010 0000 52409620001 57), revertendo na totalidade para esta causa. As inscrições devem ser efetuadas pelo e-mail [email protected] e é possível obter mais informações pelos contactos 964946743 ou 932608922. A iniciativa conta com o apoio do DIÁRIO DA REGIÃO.