Evento vai decorrer ao longo de todo o dia para debater questões do associativismo e programação desportiva

O 10.º Encontro do Movimento Associativo de Setúbal vai ter lugar no Fórum Municipal Luísa Todi, no próximo dia 15. O evento vai centrar-se no debate sobre questões relacionadas com o associativismo e, em particular, o programa “Setúbal Cidade Europeia do Desporto”, ao longo de todo o dia.

A Câmara Municipal de Setúbal organiza o encontro regular do associativismo com o tema “Setúbal 2016/Cidade Europeia do Desporto – Do Desporto para Todos aos Grandes Eventos Desportivos – Os Desafios e as Oportunidades”, neste ano em que a cidade ostenta o título de Cidade Europeia do Desporto.

“Na sessão, composta por conferências e painéis, os participantes abordam a relação do movimento associativo com o programa Setúbal Cidade Europeia do Desporto 2016 e a forma como foram criadas e aproveitadas as diferentes oportunidades surgidas ao longo do ano”, indica a autarquia, acrescentando que a iniciativa é de entrada livre, mas mediante inscrição.

O evento arranca pelas 9h30 com uma sessão de abertura na qual intervém a presidente da Câmara Municipal de Setúbal, Maria das Dores Meira, o presidente da Confederação Portuguesa das Colectividades de Cultura, Recreio e Desporto, Augusto Flor, e o presidente da Associação Portuguesa das Cidades Europeias do Desporto, Nuno Santos.

“As autarquias e o desporto” será o tema abordado na primeira conferência, agendada para as 10h00, pelo presidente da Associação Portuguesa das Cidades Europeias do Desporto, seguindo-se a intervenção do vice-presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Amadeu Portilha, sobre “O impacte social, económico e desportivo de Guimarães Cidade Europeia do Desporto 2013”. A moderação estará a cargo do director do Departamento de Cultura, Educação, Desporto, Juventude e Inclusão Social da Câmara Municipal de Setúbal, Luís Liberato.

Casos práticos em debate

“O movimento associativo popular identifica problemas e aponta soluções para o futuro” será o tema da segunda conferência, que contará com o contributo de Augusto Flor e moderação da chefe da Divisão de Inclusão Social da autarquia, Conceição Loureiro.

Segue-se o primeiro painel, com início às 11h45, que servirá para apresentar casos práticos de participação do movimento associativo, com intervenções de Leonel Silva, do Clube de Ténis de Mesa de Setúbal, sobre “O desporto e as suas dinâmicas”, e de António Santos, do Clube de Vela do Sado, sobre “Génese e desenvolvimento do Clube de Vela do Sado na Cidade Europeia do Desporto”. A moderação será feita pela chefe da Divisão de Educação da Câmara Municipal de Setúbal, Celeste Paulino.

No período da tarde, a partir das 14h30, o evento continuará a abordar casos práticos de participação com apresentação de três experiências, num segundo painel, moderado pelo chefe da Divisão de Desporto da autarquia, José Pereira.

O presidente da APPACDM de Setúbal, José Salazar, irá falar sobre “O desporto como um factor ‘capital’ de inclusão”, a que se seguirá a apresentação “Club de Rugby de Setúbal – Um Projecto para o Futuro”, pelo responsável do clube, João Terlim. “Setúbal 2016: os novos desafios para o Clube de Ténis de Setúbal” é o tema do terceiro caso em análise neste painel, a cargo do presidente desta agremiação, António Estêvão.

A sessão de encerramento da reunião anual do associativismo está prevista para as 16h00, com uma intervenção do vereador da Cultura, Educação, Desporto, Juventude e Inclusão Social da Câmara Municipal de Setúbal, Pedro Pina.

Os interessados em participar no 10.º Encontro do Movimento Associativo de Setúbal devem fazer a inscrição, gratuita, até à próxima sexta-feira, 7, pelo telefone 265 548 234 ou pelo endereço electrónico [email protected]