Uma suposta fuga de gás na zona dos restaurantes e bares na marina de Tróia levou, no passado sábado, à interdição daquela zona e à evacuação de cinco edifícios.

Após ter sido dado o alerta, pelas 16 horas, toda a zona circundante à marina foi evacuada e foram chamadas ao local duas empresas do sector do gás para que fosse identificada a origem do problema.

Durante cerca de uma hora também as travessias fluviais nos dois sentidos (Setúbal e Tróia) estiveram interrompidas.

Não tendo sido encontrada a origem da fuga de gás, pouco depois das 21.30 horas a situação foi normalizada.

No local, além dos elementos da GNR, estiveram ainda os Bombeiros Voluntários de Grândola e a Protecção civil.