O Centro de Animação Infantil Comunitária (CAIC) do Lau, que constituía uma alternativa ao ensino pré-escolar nesta zona rural do concelho de Palmela, encerra com o período de férias de verão que se aproxima. O Ministério da Educação “recusou a proposta da Câmara Municipal de Palmela no sentido de manter a atividade do CAIC do Lau por mais um ano letivo”, lamenta o município.

O CAIC do Lau funcionava desde o ano letivo 1997 e 1998, com uma autorização, renovada anualmente, pelo Ministério da Educação. Todos os anos, o Agrupamento de Escolas de Palmela solicitava à Direção-Geral de Equipamentos Escolares (DGESTE) a devida autorização, com o parecer positivo da câmara. No início deste ano letivo, o secretário de Estado do Ensino e da Administração Escolar advertiu para a possibilidade de uma proposta de extinção do CAIC do Lau.

“Face a esta comunicação, e tendo em conta que a decisão de encerramento do CAIC do Lau causaria grandes transtornos às famílias, o Agrupamento de Escolas de Palmela e a câmara reuniram com a DGESTE, tendo a autarquia proposto que a autorização se mantivesse por mais um ano letivo, de forma a garantir o apoio às crianças que já frequentavam as atividades e a preparar da sua integração na rede escolar”, refere o município.

No entanto, o Ministério da Educação manteve a decisão e a Direção Regional de Educação de Lisboa e Vale do Tejo confirmou o encerramento ao Agrupamento de Escolas de Palmela e à câmara, em maio. O município explica que, “face à intransigência do Ministério da Educação, e por proposta do Agrupamento de Escolas de Palmela, realizou-se uma reunião com os pais e encarregados de educação das crianças que frequentariam o CAIC do Lau no próximo ano letivo, no sentido de esclarecer a situação e acautelar a continuidade das crianças no pré-escolar em jardins-de-infância do concelho”.

Aproveitando a sua visita à Academia de Formação (ATEC), em Palmela, a vice-presidente da câmara, Adília Candeias, entregou ao ministro da Educação, Nuno Crato, um pedido para que a decisão seja revista.