A aicep Global Parques, que assegura a gestão, entre outros espaços industriais, da Zona Industrial e Logística de Sines (ZILS) assinou um Protocolo Ambiente com a Câmara Municipal de Sines, onde se situa o parque industrial, para “uma colaboração permanente no domínio ambiental entre as duas entidades, actores importantes na região”.

O protocolo, assinado terça-feira na 6ª sessão dos Encontros ZILS, resulta das políticas ambientais seguidas pela aicep Global Parques, que tem no terreno um Plano de Monitorização Ambiental – PMA ZILS com o objectivo de “avaliar os impactos ambientais gerados pelas indústrias instaladas e a instalar na ZILS, nas componentes qualidade do ar e das águas subterrâneas e superficiais”.

O relatório com os resultados do primeiro ano (2015) de monitorização da qualidade do ar e da qualidade da água na Zona Industrial e Logística de Sines foi um dos temas em foco no encontro, que decorreu no Centro de Negócios da ZILS, em Sines.

O referido plano procura “dotar a ZILS de ferramentas de controlo” da qualidade do ambiente e “contribuir para a melhoria e sustentabilidade do desempenho ambiental na ZILS e na região do Alentejo Litoral, garantindo que os indicadores de medição da qualidade do ar e da água se encontram dentro dos limites legais”.

Nesse âmbito, implicou a construção de uma “rede de piezómetros para monitorizar a qualidade da água (profundas e superficiais)”, e a empresa adquiriu “equipamento para monitorizar a qualidade do ar” e contratualizou “serviços técnicos externos e independentes para recolher amostras e medir resultados”, segundo informou a aicep Global Parques em comunicado de imprensa.

O PMA ZILS foi elaborado pela aicep Global Parques, em articulação com a Comissão de Coordenação e desenvolvimento Regional do Alentejo (CCDR-A), a APA Ambiente e a Câmara Municipal de Sines e teve o apoio do Programa Operacional Regional do Alentejo do QREN 2007/2013.

O Encontro ZILS contou com a presença da Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, do presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas, e do presidente da Comissão Executiva da aicep Global Parques, Francisco Mendes Palma. Presentes estiveram também Roberto Pereira Grilo (presidente da CCDR Alentejo), Nuno Lacasta (presidente do Conselho Directivo da Agência Portuguesa do Ambiente), Miguel Borralho (director da ZILS), Pedro Neves Ferreira (administrador da EDP Produção), Ricardo Alvim, Director de Operações da Euroresinas), José Martinho Correia (Director da Refinaria de Sines – Petrogal) e Joaquín García-Estãn (director geral da Polímeros).