O presidente da Câmara da Moita, Rui Garcia (PCP), afirmou que a adesão que se tem verificado vem comprovar a importância do alargamento dos Transportes Coletivos do Barreiro (TCB) ao concelho da Moita.

“As duas carreiras dos TCB estão já a fazer uma extensão ao território da Moita e estão a fazer o seu caminho de adesão de utentes”, afirmou o autarca.

Em dezembro de 2015, os municípios da Moita e do Barreiro assinaram um protocolo de entendimento para alargar o serviço municipalizado dos TCB ao concelho vizinho, nomeadamente na extensão de duas linhas, que passam pelas freguesias da Baixa da Banheira, Vale da Amoreira e de Alhos Vedros.

A empresa Transportes Sul do Tejo avançou com providências cautelares para travar o alargamento.

O Tribunal Administrativo e Fiscal de Almada indeferiu as providências que foram, no entanto, alvo de recurso mas o Tribunal Central Administrativo do Sul acabou por também indeferir o recurso apresentado pela empresa TST, apesar de ainda faltar analisar a ação principal levantada pela empresa.

Os TCB começaram a efetuar carreiras no concelho da Moita no dia 04 de julho, com a extensão das carreiras 1 e 2, que ligam as freguesias da Baixa da Banheira, Vale da Amoreira e de Alhos Vedros à zona urbana do Barreiro.

“Tem todas as condições e a adesão comprova que vem responder a uma necessidade das populações e que são uma oferta necessária para o nosso concelho”, concluiu o autarca.