A adega Venâncio da Costa Lima comemora o seu centenário.

   

Uma adega familiar de produção tradicional desde 1914.

   

Celebra cem anos de história, memórias e quatro gerações dedicadas ao vinho!
Celebra cem anos de grandes Vinhos e Moscatel de Setúbal de exceção!
Celebra também, e principalmente, o futuro!
Comemora assim esta “paixão pelo vinho”, trabalhando diariamente na produção de vinhos modernos, com identidade e com as características desta região.
Venâncio da Costa Lima nasceu em 1892, na povoação de Quinta do Anjo, no seio de uma família humilde. Teve como primeira profissão comerciante de gado.
Rapidamente diversificou o seu negócio, comercializando essencialmente produtos agrícolas.
   
Em 1914 funda a Casa Agrícola Venâncio da Costa Lima, na Quinta do Anjo. Dedicada essencialmente ao comércio de vinho, azeite e cereais, esta empresa dedica-se posteriormente e em exclusivo, ao fabrico e comercialização de vinho.

   

Entre os anos 1930-1950, a Venâncio da Costa Lima era a segunda maior produtora de vinho da região.
Deixa a adega aos seus sobrinhos, que desde essa altura, especializam-se no Vinho e Moscatel de Setúbal.

   

Com a passagem de quatro gerações, esta adega continua a ser uma empresa familiar, que movimenta anualmente 3 milhões de litros.

   

Produtora de Vinhos de Mesa, Vinhos Certificados (Regional Península de Setúbal e DO Palmela) e Moscatel de Setúbal, esta empresa mantém o seu objectivo: produzir vinhos actuais e modernos, mas mostrando sempre o perfil e as características de um vinho desta região.

   

A Venâncio da Costa Lima é uma das adegas mais antigas da região de Palmela, com início de atividade em 1914. Sendo um negócio familiar, esta adega já vai na quarta geração.
Produtora de vinhos de mesa, vinhos certificados (Regional Península de Setúbal e DO Palmela) e Moscatel de Setúbal, esta empresa mantém o seu objetivo: produzir vinhos atuais e modernos, mas mostrando sempre o perfil e as características de um vinho desta região. Produz também aquele que considera ser um dos ex-líbris de região: o Moscatel de Setúbal. 
Aperfeiçoando continuamente a arte de fazer vinho, esta empresa tem feito um percurso apoiado numa atualização tecnológica permanente, permitindo a evolução da qualidade dos seus vinhos.
Reconhecida recentemente como produtor do Melhor Moscatel do Mundo (Muscats du Monde 2011), esta adega tem investido no seu portfolio, imagem e notoriedade, trabalhando diariamente para a construção de uma empresa actual e competitiva.

   

Conheça a história da Venâncio da Costa Lima e descubra os sabores desta região em www.venanciodacostalima.pt

The following two tabs change content below.

Rota de Vinhos

Península de Setúbal
A Rota de Vinhos da Península de Setúbal possui um conjunto elementos diferenciadores, como o Moscatel de Setúbal ou o Moscatel Roxo, as distintas adegas que a compõem, uma localização geográfica contextualizada pela Serra da Arrábida, com excelentes acessibilidades e o grande potencial turístico da Península de Setúbal. De âmbito regional, tem atualmente como associados adegas, restauração e alojamento, instituições públicas e privadas. No coração da vila de Palmela, encontra-se a Casa Mãe da Rota de Vinhos, a sede da Rota de Vinhos da Península de Setúbal. Uma antiga adega reconvertida em ponto de informação enoturística, central de reservas, que funciona como loja de vinhos e produtos regionais.

Últimos textos de Rota de Vinhos (ver todos)