“É necessário que todos saibamos assumir as nossas responsabilidades. Não podemos desperdiçar votos e energias, se queremos mudar é preciso que dia 4, não fique em casa à espera que outros façam o que você pode fazer. Mudar o destino coletivo só depende de nós e de cada um de nós. Só com o seu apoio somos capazes de fazer a mudança, é por isso que apelo ao seu voto no PS e em António Costa para Primeiro-ministro” foi com esta palavras que Ana Catarina Mendes respondeu aos muitos eleitores que com ela contactaram na ação de campanha realizada junto dos trabalhadores da Autoeuropa.

Os candidatos a deputados pelo Circulo Eleitoral de Setúbal estiveram em campanha na Autoeuropa, apelando à participação no próximo dia 4, lembrando que estamos num momento decisivo para que a mudança se faça com confiança. A esquerda não pode desperdiçar energias e se quer fazer a mudança e defender o Estado Social tem de concentrar os votos no PS e derrotar nas urnas a coligação de direita.

“Não podemos ver a destruição dos serviços públicos, a destruição dos postos de trabalho, a destruição da escola pública, o permanente convite à emigração, como se não houvesse futuro em Portugal. Temos que centrar a nossa política nas pessoas e para as pessoas. Temos de construir o nosso futuro colectivo acreditando nas nossas potencialidades. Este é um tempo de combate e de confiança. É também por si que estamos aqui! Por isso peço-lhe que não desperdice o seu voto no protesto, mas que lhe dê sentido de futuro, vote no PS se quer mudar Portugal”. Ana Catarina Mendes, reforçou a sua mensagem junto dos que se lhe dirigiam e foram muitos que lhe manifestaram apoio e lhe disseram que noutras alturas votaram mais à esquerda mas hoje querem contribuir para a mudança e vão votar PS.