As infraestruturas da Blue and Green – Tróia Design Hotel, Centros de Congressos e de Espectáculos e Casino – voltam a receber mais uma edição do evento de arte digital mais relevante no panorama internacional, o “Trojan Horse was a unicorn”.

O evento que vai na 3ª edição, decorre em Tróia entre 15 e 19 de Setembro, e é considerado pelo seu  criador, André Lourenço, “o melhor evento do mundo” na indústria de jogos, animação, 3D e cinema.

O Centro de Congressos e o Centro de Espectáculos do Casino Tróia serão o palco do “Trojan Horse was a Unicor”, um evento que trará a Tróia cerca de “60 dos melhores artistas e criativos mundiais” na área das artes criativas digitais.

Depois de, na edição do ano passado, terem marcado presença nomes como Andrew Jones (vencedor do Óscar para Efeitos Visuais com o filme Avatar e responsável pelos efeitos visuais de Titanic), Syd Mead (criador do universo de ficção de Blade Runner) e Sven Martin (responsável pelos efeitos visuais da série Game of Thrones), a organização destaca a presença na edição de 2015 do autor do filme de animação Frozen, Paul Briggs.

O “Trojan Horse was a Unicor” terá Scott Ross como embaixador, o executivo que trabalhou com George Lucas e fundou, juntamente com com James Cameron, a Digital Domain, empresa de efeitos visuais vencedora de dois óscares, tendo sido nomeada por três vezes.

Durante o evento, os cerca de 900 participantes de 50 nacionalidades poderão assistir e participar em workshops, talks, live demos, art battles, acções de mentoria e sessões de recrutamento. Todo o ambiente do “Trojan Horse was a unicorn”, segundo a organização, foi pensado para promover o networking de forma constante entre as maiores estrelas da área digital na indústria do cinema e dos jogos.

A Blue and Green apoia o evento desde a sua primeira edição pois este coloca Tróia no palco principal da indústria de entretenimento digital a nível mundial.