A instalação de um moderno sistema de gestão de emergências, que operacionaliza os meios e recursos do concelho a partir do centro municipal de operações de socorro de Setúbal, valeu ao município setubalense um prémio na área da inovação tecnológica. O prémio foi atribuído pela empresa Intergraph, parceira da Hexagon, consórcio líder em tecnologias de informação que promoveu, a 25 de junho, o evento HxGN Live Local – Lisboa 2015.

A distinção feita ao município foi entregue ao vereador da autarquia com o pelouro da proteção civil, Carlos Rabaçal, que marcou presença naquele encontro realizado no Centro de Congressos de Lisboa. O sistema de gestão de emergências, desenvolvido pela empresa Intergraph, inclui um moderno software de coordenação, com informação georreferenciada, monitores para gestão de diversas ocorrências e modernos sistemas de comunicações.

O sistema funciona a partir do centro municipal de operações de socorro, instalado no quartel da companhia de bombeiros sapadores de Setúbal, com gestão de uma equipa de bombeiros sapadores e voluntários e elementos da Cruz Vermelha Portuguesa. O equipamento foi adquirido no âmbito do “Resiliência Setúbal +”, candidatura liderada pela câmara municipal que materializou um investimento global superior a 2,6 milhões de euros, com o apoio de fundos comunitários.

O “Resiliência Setúbal +” foi promovido no âmbito do QREN – quadro de referência estratégico nacional e enquadrado no regulamento de prevenção e gestão de riscos do programa operacional temático valorização do território. Além do sistema de gestão de emergências, a candidatura permitiu a modernização e ampliação do centro municipal de operações de socorro, agora ligado à comunicação SIRESP – Sistema Integrado de Redes de Emergência e Segurança de Portugal.

Da candidatura fez ainda parte o apetrechamento dos meios técnicos operacionais da companhia de bombeiros sapadores de Setúbal, com quatro novos veículos e contentores logísticos, um com material direcionado para busca e resgate.