A Entidade Coordenadora Local de Parceria (ECLP) do Contrato Local de Desenvolvimento Social (CLDS 3G) de 3ª Geração vai ser a Rumo – Cooperativa de Solidariedade Social. A escolha desta instituição como ECLP e da técnica Susana Santos como coordenadora técnica do CLDS foi aprovada ontem, dia 13 de julho, na reunião extraordinária do órgão plenário do Conselho Local de Ação Social do Barreiro (CLASB).

De salientar que a aprovação pelo CLASB da ECLP e do coordenador técnico são os procedimentos iniciais, previstos na lei, para a criação do CLDS – 3ªG. Nos anteriores CLDS no Barreiro, a Rumo já tinha tido um papel coordenador, dando desta forma continuação ao trabalho já realizado.

A candidatura do Barreiro ao novo CLDS deve ser apresentada, pela ECLP, até 28 de agosto. Correspondendo à tipologia dos territórios afetados pelo desemprego, a candidatura vai incidir nas zonas do Barreiro Antigo, Bairro das Palmeiras, Quinta da Amoreira e Quinta da Mina. Segundo referiu, na reunião, o presidente da Câmara Municipal do Barreiro e, em simultâneo, presidente do CLASB, Carlos Humberto de Carvalho, a candidatura, a ser aprovada, vai permitir um financiamento, ao longo de três anos, de 450 mil euros.

O Programa CLDS – 3G tem como eixos de intervenção “Emprego, formação e qualificação”; “Intervenção familiar e parental, preventiva da pobreza infantil”; “Capacitação da comunidade e das instituições”; “Auxílio e intervenção emergencial às populações inseridas em territórios afetados por calamidades”.

CMB

Foto: CMB