A Câmara Municipal de Palmela continua a aprofundar o relacionamento com o movimento associativo local e aprovou, recentemente, um novo Regulamento Municipal de Apoio ao Associativismo, documento de gestão que resultou de intensa discussão pública e que veio reforçar os objetivos municipais de maior transparência e de critérios mais afinados, que permitam uma gestão mais rigorosa dos apoios, facilitando, também, o trabalho dos parceiros. Depois da fase de apresentação de candidaturas por parte das estruturas associativas e da respetiva análise, o Município aprovou a atribuição de um pacote substancial de subsídios, no valor de 58.842,51 euros, que se dividem em apoio à atividade, para obras e para equipamentos.

Na área do movimento associativo cultural, foram analisadas 14 candidaturas (A.A.J. Orquestra Nova de Guitarras; A.C.R. Fernando Pó; A. Moradores do Terrim, Sobral e Canastra; A. Círio Olhos de Água; A. Amigos da Festa Brava de Pinhal Novo; Teatro Sem Dono; G. F. Danças e Cânticos Olhos de Água; R. F. Casa do Povo Pinhal Novo; S.R.C. Povo Bairro Alentejano; S.R.D. Lagoinha; S. F. Humanitária; S. F. União Agrícola; S. F. P. “Loureiros”), apoiadas no valor global de 24.757 euros.

O movimento associativo juvenil recebeu 5.387,51 euros, destinados às seguintes entidades: Agrupamento 504 de Quinta do Anjo CNE; Agrupamento 643 de Pinhal Novo CNE; A.J. Adonia; A.J.I.T.A.R.; A.J.C.O.I.; A.J. Odisseia; Grupo 40 de Palmela AEP.

Relativamente ao movimento associação desportivo, foi aprovada a celebração de Contratos-Programa de Desenvolvimento Desportivo com a Associação Académica Pinhalnovense, BTTascaduxico, C.D. Pinhalnovense, Forninho F.C., G.D. Lagoa da Palha, G.D. Valdera, G.D. Volta da Pedra, Quintajense F.C. e U.D. Palhota, que representam apoios diretos no valor de 18.048 euros. A estes, somam-se outros, desde a cedência de transportes e de material para a concretização de atividades ao arrendamento de instalações e à comparticipação, em nove mil euros, da aquisição de uma viatura de nove lugares (C.D.Pinhalnovense), passando por garantir a utilização da Piscina Municipal de Pinhal Novo para treino dos atletas de triatlo (Quintajense F.C.) ou do Pavilhão Desportivo Municipal para a realização de duas provas do calendário competitivo da Federação Portuguesa de Dança Desportiva (União Desportiva da Palhota) e do Convívio para Benjamins A em Pavilhão (A. Académica Pinhalnovense).

O Município aprovou, ainda, um aditamento ao protocolo de cooperação em vigor com o Bardoada – O Grupo do Sarrafo, que vem sublinhar, através de um apoio financeiro anual de mil euros, o trabalho em curso, no campo da formação em Gaita-de-Foles – um importante trabalho de recuperação e valorização cultural de uma tradição com grande relevo na região.