O Largo da Misericórdia, no centro histórico de Setúbal, encheu no sábado com os concertos do 11.º Festival de Bandas Filarmónicas. A iniciativa, organizada pela câmara municipal e a Sociedade Musical Capricho Setubalense, culminou com as atuações noturnas das quatro bandas participantes depois terem realizado, ao final da tarde, um desfile pelas ruas da baixa da cidade, entre a Praça de Bocage e o Largo da Misericórdia.

O 11.º Festival de Bandas Filarmónicas de Setúbal, além da anfitriã Capricho Setubalense, contou com as participações da Banda Filarmónica Boa Vontade Lorvanense, de Coimbra, da Banda do Centro Cultural Azambujense, Azambuja, e da Banda do Clube Recreativo Musical Rerizense, de Castro Daire. Durante o festival, a Câmara Municipal e a Capricho Setubalense, entregaram uma placa comemorativa a Afonso Malão, músico septuagenário que há 60 anos toca na banda da Sociedade Filarmónica Capricho Setubalense, onde atualmente interpreta saxofone barítono.

A 11.ª edição do certame musical contou com os apoios da União das Freguesias de Setúbal e da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa.